domingo, 11 de julho de 2010

Mãe não passa roupa do filho e é mantida em cativeiro

Rapaz insistiu que o trabalho era coisa de mulher

É sempre aquela velha história. Alguns acham que arrumar a casa, lavar, passar e cozinhar cotinuam sendo funções únicas e exclusivas da mulher.

Esse foi o caso de um rapaz de 29 anos da cidade de Villa Rica, no estado da Geórgia, nos Estados Unidos. Ele ficou irritado quando sua mãe se negou a passar suas roupas.

O homem insistiu que esse era um trabalho de mulher. Como castigo, tirou as chaves e o celular de sua mãe mantendo-a trancada em casa por seis horas além de ameaçá-la com uma arma.

Sem ferimentos com a ação terrorista do filho, a mãe de 51 anos de idade conseguiu escapar e procurou a delegacia. O machão foi preso e agora terá quem cuide de suas roupas.

Fonte: R7
publicado em 08/07/2010 às 15h57

4 comentários:

Beth disse...

É muito desaforo!
Nessa idade, não saiu de perto da mamãe e ainda se acha criancinha.
Existe um limite para os filhos viverem na casa dos pais, ela teve o filho com 22 anos, ou seja, aos 22 anos deve ter assumido a própria vida!
Menopausa da mãe, talves seja este um referencial!

suzana maria brega disse...

Temos que educar essas crianças! Mas, além de educação, esse aí, precisa de uma camisa de força e um belo par de algemas antes.

Ellen Augusta disse...

A maior culpa é das mulheres, pois educam os homens para tal atitude. Minha mãe sempre fez o trabalho para meu irmão (até hoje). E eu sempre me virei sozinha. Acho isso injusto e uma prova de que a sociedade é o que é pois as mães protegem os homens, existe essa relação de sustentar marmanjo(sempre homem e nunca mulher) que me deixa pirada.
O cara apronta e a mãe(ou a esposa) vai lá na delegacia livrar a cara so sujeito, quantas vezes já vi mulher defender marmanjo. Acho que cada um tem o que merece. E muita mulher merece o que tem. ótimo texto, é bom para refletirmos.
Abraços.

suzana maria brega disse...

@Ellen Augusta
Concordo com você Ellen, acredito muito nisso. A mudança tem que começar por nós mulheres que educamos nossos filhos, infelizmente sempre sobra para o nosso lado, então, que sejamos nós a fazermos essa mudança. Essa cultura de que mulher tem dar tudo na mão dos homens, vem mudando, lentamente, mas, já é um começo. Isso rende assunto para uma postagem...